25 de março de 2011

Responder ou não, eis a questão

Há por aí algum funcionário simpático do INE que me saiba explicar se uma pessoa que não reside na Tugalândia mas tem lá uma casa onde vai nas férias (vulgo, emigra) tem de preencher aquela coisa dos Censos? E também naquela parte em que perguntam onde estava no 25 de Abril, perdão, em 2009 e 2005 devo responder "na mesma residência" ou "no estrangeiro"? É que a residência em Portugal era a mesma, mas eu residia no estrangeiro... Ai, tantas dúvidas existenciais!

Eu bem que procurei no site, mas entre as vezes em que não se consegue entrar e as perguntas frequentes cujas respostas levantam mais dúvidas do que as que resolvem, fiquei mais na mesma. Ah, e ligar para a tal linha de apoio está fora de questão, porque os números começados por 800 não estão acessíveis a partir do estrangeiro de fora e ligando do próprio país ou ninguém atende ou está sempre impedido...

Agradeço antecipadamente a preciosa ajuda e até prometo que, caso tenha mesmo de responder, não vou inventar... muito!

5 comentários:

Inês disse...

Eu não recebi os censos ainda...

Manuela disse...

Querida Tulipa, vai ao "Take us to Bruges", que a Maria, está na coordenação dos censos e deve saber responder-te :)
Beijinhos e bom fim de semana.

Tulipa Negra disse...

Inês, queres ver que és clandestina? :D
Beijinhos


Manuela, obrigada pela dica, vou perguntar. De qualquer forma, parece que se pode entregar em mão na Junta de Freguesia até dia 20 de Abril e eu ainda vou à "terra" antes disso. :D
Beijinhos

cai de costas disse...

Tanto quanto me explicou a moça que me bateu à porta carregada de impressos, SIM, temos que preencher aquela coisa.

Tulipa Negra disse...

Cai de costas, a sério? Tem mesmo de ser? Bolas... :(